Todas as mensagens por

Comunicação

Hospital e Maternidade Santa Isabel anuncia vaga de farmacêutico(a)

De | Vagas | Sem comentários

O Hospital e Maternidade Santa Isabel está contratando farmacêutico (a) para atuar no horário das 22h às 6h20. Interessados devem deixar currículo impresso na recepção do próprio hospital, aos cuidados do Departamento de Gestão de Pessoas (RH), ou enviar para o email rhhmsi@unimedjaboticabal.coop.br, até o dia 25 de outubro.

O pré-requisito para concorrer à vaga é ter formação superior em Farmácia com registro no conselho (CRF) ativo. É desejável pós-graduação em Farmácia Clínica ou Hospitalar. Além disso, é importante ter conhecimentos de informática.

Confira, abaixo, algumas das atribuições da função:

– Prestar informações técnicas sobre medicamentos (diluição, conservação e estabilidade)
– Controlar a dispensação dos medicamentos psicotrópicos em geral e medicamento que contém a substância Misoprostol
– Controlar a dispensação e aquisição de medicamentos específicos do Ministério da Saúde (tuberculose, H1N1, HIV)
– Controlar os estoques de medicamentos e materiais em geral
– Controlar a qualidade dos medicamentos adquiridos pelo hospital
– Controlar a distribuição dos medicamentos em dose unitária aos pacientes
– Interagir com os médicos quando houver dúvidas com prescrições, medicamentos, substituição ou até a falta do medicamento
– Fazer conferência da distribuição dos materiais e medicamentos aos pacientes
– Fazer conferência da prescrição médica relacionada a medicamentos e posologias
– Fazer conferência e controle dos medicamentos e materiais na farmácia satélite
– Fazer controle dos carrinhos de urgência
– Ficar responsável pela farmácia satélite do centro cirúrgico e OPME

HMSI arrecada 33 garrafas PET de lacres de alumínio para a Campanha Eu Ajudo na Lata

De | Notícias | Sem comentários

Colaboradores e clientes do Hospital e Maternidade Santa Isabel engajados em torno de um gesto solidário: arrecadar lacres de latinhas de alumínio para a Campanha Eu Ajudo na Lata, da Unimed Jaboticabal, para adquirir cadeiras de rodas que serão doadas ao Lar São Vicente de Paulo.

Nesta terça, o hospital apresentou o resultado de quatro meses de campanha: até o momento, nessa primeira etapa de arrecadação, reuniu 33 garrafas PET cheias de lacres de alumínio, que serão entregues à cooperativa médica.

As garrafas foram dispostas no setor de Nutrição e na recepção do HMSI, que também recebeu doações de visitantes e pacientes do hospital. Para facilitar a colocação dos lacres nas garrafas, colaboradores do HMSI improvisaram um funil, também feito a partir de uma garrafa PET (confira na foto).

“É muito gratificante para nós, do Hospital e Maternidade Santa Isabel, poder colaborar de forma substancial com essa campanha tão nobre. Recebemos regularmente a contribuição de muitas pessoas e empresas, e é importante poder retribuir para a comunidade a ajuda que recebemos”, afirmou o coordenador do HMSI, Dr. Jeyner Valério Júnior.

A Campanha Eu Ajudo na Lata vai continuar arrecadando lacres de alumínio no Hospital e Maternidade Santa Isabel e em outros pontos pela cidade. Para saber os locais que estão recebendo doações, confira no link: www.unimedjaboticabal.coop.br/euajudonalata. Para adquirir uma cadeira de rodas, são necessárias 300 garrafas PET cheias de lacre.

Como participar

A adesão à campanha é gratuita e poderá ser solicitada através do e-mail comunicacao@unimedjaboticabal.coop.br. Um kit contendo garrafas pets personalizadas – para guardar os lacres -, cartaz, porta-folder e folders é entregue aos parceiros da campanha.

Hospital e Maternidade Santa Isabel

HMSI realiza procedimento para eliminar pedra no rim por cirurgia a laser

De | Notícias | Sem comentários

Foto: Dr. José Fabiano Dócusse, um dos médicos urologistas do HMSI

O Hospital e Maternidade Santa Isabel (HMSI) realiza em Jaboticabal procedimento de ureterolitotripsia flexível com auxílio de laser, utilizado para eliminar pedras de até 15 milímetros nos rins de pacientes.

A cirurgia consiste na introdução de um tubo no canal da uretra, e dali até o rim, quebrando a pedra, por meio da aplicação a laser, em pequenos pedaços que irão sair pela urina. Trata-se de um procedimento de média complexidade e é o que está em sintonia com os mais modernos procedimentos para o tratamento de cálculos renais adotados em todo o mundo.

A cirurgia evita a necessidade de incisões ou cortes no paciente, permitindo acessar o rim pelas vias urinárias, com menor agressividade. Além disso, o processo de tratamento tem o acompanhamento de exames de imagem para auxiliar o cirurgião.

O HMSI avança para adotar ainda mais resolutividade na extração a laser de cálculos renais maiores. Hoje, a equipe do hospital oferece solução a praticamente 100% dos casos clínicos, encaminhando para outros centros apenas um pequeno número de pacientes.

Além disso, a urologia é uma das especialidades médicas que conquistou os maiores avanços tecnológicos nas últimas décadas, trazendo ao profissional e à instituição de saúde o desafio da permanente evolução em benefício do paciente.

Atualmente, o HMSI realiza também biópsias Prostáticas (exame para identificar câncer de próstata), possui laboratório de estudo urodinâmico (para avaliar funcionamento da bexiga), está apto a tratar câncer genitourinário, realiza cirurgias laparoscópicas e endourológicas (técnicas minimamente invasivas), além da reversão de vasectomia.

A equipe responsável por realizar esse tipo de cirurgia no Hospital e Maternidade Santa Isabel é composta por médicos urologistas, enfermeiros e radiografistas, que acompanham a ureterolitotripsia flexível com auxílio de laser.

“A realização desse procedimento reduz o sofrimento e a espera dos pacientes que necessitam do tratamento. Além disso, evidencia ainda mais a capacidade e a estrutura do nosso hospital para realizar procedimentos de média e alta complexidade”, afirmou o coordenador do HMSI, Dr. Jeyner Valério Júnior.

“A cirurgia a laser é minimamente invasiva, porque o procedimento é realizado por meio de um orifício natural, a uretra. Não exige cortes, ocasionando menos dor e desconforto ao paciente, que apresenta recuperação mais rápida e retorno às atividades diárias em menor tempo”, ressaltou o Dr. José Fabiano Dócusse, um dos médicos urologistas responsáveis por realizar o procedimento no HMSI.

Confira a equipe de médicos urologistas do HMSI

Dr. João Batista Zucolo
Dr. Jorge Duarte Ribeiro
Dr. José Fabiano Dócusse
Dr. José Francisco A. G. Martins

Provedores do HMSI serão homenageados na próxima terça, 2 de julho, em Sessão Solene na Câmara Municipal de Jaboticabal

De | Notícias | Sem comentários

Na próxima terça-feira, 2 de julho, o Hospital e Maternidade Santa Isabel (HMSI) completa 115 anos de história. Nessa data, a Câmara Municipal de Jaboticabal realiza Sessão Solene em homenagem aos provedores da Irmandade de Misericórdia, conforme decreto legislativo proposto pelo vereador Dr. Edu Fenerich.

A solenidade realizará a entrega de diplomas de honra ao mérito aos próprios provedores ou a familiares, no caso de homenageados já falecidos. O evento, aberto ao público, acontece a partir das 20 horas, na sede do Legislativo Municipal.

A homenagem também procederá a instalação da Galeria de Provedores do HMSI, reunindo quadros com fotos de todos os que passaram pelo cargo nos 115 anos de história da instituição de saúde.
“Para levantar essa antiga e rica história, o HMSI contou com a importante ajuda de familiares ou historiadores para reunir fotos de provedores já falecidos”, afirma o atual provedor, Dr. Luiz Eduardo Romero Gerbasi.

“Foi um trabalho árduo reunir fotos de todos os provedores do HMSI, principalmente dos mais antigos, para que pudéssemos fazer um evento à altura dessa importante história. Contamos com a presença de todos na solenidade”, ressalta Dr. Jeyner Valério Júnior, coordenador do HMSI e que foi provedor entre os anos de 2005 e 2007.

Confira a relação com todos os provedores do HMSI desde sua fundação
1904 a 1916 – Dr. Antonio Martins Fontes
1916 a 1921 – Major João Baptista Novais de Aguiar
1921 a 1930 – Dr. Joaquim Antonio de Oliveira Neves
1930 a 1937 – Antonio de Paula Eduardo
1937 a 1944 – Major Américo de Araújo Lopes
1944 a 1949 – Pedro Dória
1949 a 1955 – Dr. Antonio Arrobas Martins
1955 a 1971 – Armando Lerro
1971 a 1985 – Romário Niero
1985 a 1991 – José Francisco Baratela
1991 a 1995 – Dr. Eduardo Carlos Rodrigues Nogueira
1995 a 2003 – Luiz D’Aparecida Gerbasi
2003 a 2005 e 2007 a 2009 – Mário Fernando Berlingieri
2005 a 2007 – Dr. Jeyner Valério Júnior
2009 a 2011 – Dr. José Francisco A. Geraldo Martins
2011 a 2021 – Dr. Luiz Eduardo Romero Gerbasi

Hospital e Maternidade Santa Isabel promove capacitação sobre diretrizes internacionais no tratamento do paciente com AVC

De | Notícias | Sem comentários

Apenas 2% dos pacientes com AVC no Brasil recebem tratamento específico, alerta especialista

“Apenas 2% dois pacientes com AVC no Brasil recebem o tratamento específico para o problema”, afirmou a Dra. Márcia Alves Moura Polin, que conduziu uma capacitação profissional nesta quinta, 9 de maio, na Câmara Municipal de Jaboticabal, sobre Diretrizes Internacionais no Tratamento do AVC.

O evento, promovido pelo Hospital e Maternidade Santa Isabel (HMSI), em parceria com a companhia farmacêutica Boehringer Ingelheim, contou com a presença de médicos do corpo clínico do hospital, enfermeiros, técnicos de enfermagem e responsáveis pelo serviço de assistência social do HMSI, além de profissionais de outras instituições de saúde do município, convidados para a palestra.

“O tratamento do paciente com AVC é uma linha de cuidado que contempla vários ambientes – pré-hospitalar, hospitalar e pós, e uma equipe multiprofissional”, ressaltou a palestrante, que é coordenadora da equipe de Neurologia do Hospital de Base de Bauru e neurologista do Hospital Unimed de Bauru, com doutorado em Fisiopatologia na área de Neurologia pela Faculdade de Ciências Médicas e Biológicas de Botucatu.

“Nosso intuito com essa capacitação é mostrar como funciona o protocolo do atendimento ao paciente com AVC e como deve ser o encaminhamento”, finalizou a Dra. Márcia.

A atividade faz parte da Iniciativa Angels, projeto que visa aumentar o número de doentes tratados em hospitais preparados para o AVC e otimizar a qualidade de tratamento em todos os centros de AVC existentes.

Hospital e Maternidade Santa Isabel - Jaboticabal,SP

Diretrizes Internacionais no Tratamento do AVC é tema de capacitação promovida pelo Hospital e Maternidade Santa Isabel

De | Notícias | Sem comentários

Com foco voltado para a melhoria contínua do atendimento ao cliente, nesta quinta, 9 de maio, o Hospital e Maternidade Santa Isabel (HMSI) promove o evento de capacitação profissional sobre Diretrizes Internacionais no Tratamento do AVC – Acidente Vascular Cerebral, em parceria com a companhia farmacêutica Boehringer Ingelheim.

A atividade faz parte da Iniciativa Angels, projeto que visa aumentar o número de doentes tratados em hospitais preparados para o AVC e otimizar a qualidade de tratamento em todos os centros de AVC existentes.

Participarão da capacitação médicos do corpo clínico do hospital, enfermeiros, técnicos de enfermagem e responsáveis pelo serviço de assistência social do HMSI. Também foram convidados para o evento profissionais de outras instituições de saúde de Jaboticabal.

A ação acontece no Anfiteatro da Câmara Municipal do município, a partir das 19h30, e será conduzida pela Dra. Márcia Alves Moura Polin, coordenadora da equipe de Neurologia do Hospital de Base de Bauru e neurologista do Hospital Unimed de Bauru, com doutorado em Fisiopatologia na área de Neurologia pela Faculdade de Ciências Médicas e Biológicas de Botucatu.

“O Hospital e Maternidade Santa Isabel investe em capacitação contínua de seu corpo clínico, para que nossos procedimentos estejam sempre em consonância com as técnicas mais modernas e as últimas novidades da medicina”, afirmou o coordenador do HMSI, Dr. Jeyner Valério Júnior.

 

Hospital e Maternidade Santa Isabel - Jaboticabal

HMSI sorteia moto zero km no dia em que comemora 115 anos

De | Notícias | Sem comentários

O sorteio de uma moto Start Honda 0 KM, que estava programado para ocorrer durante o 2º Boi no Rolete, neste domingo, na Estação de Eventos Cora Coralina, foi adiado para 2 de julho, dia em que o Hospital e Maternidade Santa Isabel comemora 115 anos de atividades.

“Quem comprou o bilhete para o sorteio da moto neste fim de semana pode ficar tranquilo, pois ele valerá para o sorteio do dia 2 de julho, aniversário do nosso hospital. O local e horário do sorteio será divulgado em breve, para que todos possam se programar”, afirmou o coordenador do HMSI, Dr. Jeyner Valério Júnior.

Todo o valor arrecadado com a venda de bilhetes para concorrer à moto, doada pela Associação da Mulher Unimed, será revertido em prol do hospital, e ainda podem ser adquiridos no próprio HMSI, ou pelo telefone 3209-2333, por R$ 30.

O 2º Boi no Rolete acontece neste domingo, 5 de maio, a partir das 11h30. O evento conta com o show da dupla Ulisses e Moisés, que vai cantar grandes sucessos da música sertaneja, com abertura da cantora Gabi Viola.

Ingressos

Ingressos para o evento também estarão à venda na hora. Adultos pagam R$ 40 o convite individual, crianças de 7 a 12 pagam meia (R$ 20), e menores de 6 anos não pagam. O cardápio inclui o boi no rolete e acompanhamentos: arroz, feijão gordo, mandioca cozida, vinagrete e salada verde. Bebidas são à parte, e não serão disponibilizadas marmitas.

Durante o Boi no Rolete também haverá sorteio de diversos brindes, e a equipe de voluntários do HMSI passará nas mesas para vender os bilhetes de cada rodada.

Ingressos para o 2° Boi no Rolete estão à venda no Hospital e Maternidade Santa Isabel

De | Notícias, Voluntário | Sem comentários

Ingressos para o 2° Boi no Rolete estão à venda no Hospital e Maternidade Santa Isabel A 2ª edição do Boi no Rolete acontece no próximo dia 5 de maio, na Estação de Eventos Cora Coralina, a partir das 11h30, e os ingressos para participar dessa festa estão à venda no Hospital e Maternidade Santa Isabel (HMSI).

O ingresso adulto individual sai por R$ 40,00, e crianças de 7 a 12 anos pagam meia (R$ 20,00). Crianças até 6 anos não pagam ingresso. A entrada dá direito ao boi no rolete e acompanhamentos (arroz, feijão gordo, mandioca cozida, vinagrete e salada verde).

Quem garantir presença também vai curtir a apresentação da dupla Ulisses e Moisés, que vai animar o público com sucessos autorais e clássicos sertanejos. Quem abre o evento é a cantora jaboticabalense Gabi Viola.

Durante o Boi no Rolete, será sorteada uma moto Start Honda 0 KM, doada pela Associação da Mulher Unimed. Para concorrer ao prêmio, basta adquirir separadamente o bilhete no valor de R$ 30,00, também no Hospital e Maternidade Santa Isabel.

O evento ainda vai promover o sorteio de diversos brindes, e os bilhetes para concorrer serão vendidos durante o Boi no Rolete.

Todo o valor arrecadado com o 2º Boi no Rolete e com os sorteios da moto e dos brindes será revertido em prol do HMSI. Participe e contribua.

Informações

Adquira seu ingresso pelo telefone: (16) 3209-2333
No Hospital e Maternidade Santa Isabel: Rua Floriano Peixoto, 1.387.

Idealizador da campanha dos cofres, Padre Adilson fala sobre a importância de ajudar o HMSI

De | Notícias | Sem comentários

O Hospital e Maternidade Santa Isabel lançou, no final de 2018, a campanha dos cofres, que está distribuindo pequenos cofrinhos pelo comércio de Jaboticabal, visando arrecadar recursos para o próprio HMSI.

Idealizador da campanha e importante parceiro do hospital, o Padre Adilson, da Paróquia Santa Tereza de Jesus, deu uma entrevista abordando a importância de contribuir com a instituição.

Por que é importante ajudar o HMSI?
A primeira coisa que nós temos que colocar em evidência é que a ajuda é algo humano. Faz parte da nossa realidade, nós somos solidários por natureza, querendo ou não. Por mais que a humanidade num certo ponto ainda tenha essa maldade dentro dela, a solidariedade faz esse contraponto para que o ser humano sinta-se próximo um do outro. Então, essa proximidade faz com que a solidariedade, a ajuda, seja algo fundamental para a sociedade em modo geral e em especial para com aqueles em uma situação de dor, sofrimento e angústia que é a doença. Por isso a importância de ajudar o Hospital e Maternidade Santa Isabel. Desde o primeiro momento que me chamaram para vir até aqui em nossa primeira reunião, eu me encantei pelo hospital. Além disso, o hospital representa um momento fundamental para que meu sacerdócio tenha mais sentido de solidariedade, de amor para com aqueles que estão sofrendo. Já disse para todos no hospital que me coloco sempre a disposição no que eu puder ajudar o que estiver no meu alcance.

Por que você pegou para si essa tarefa de ajudar a distribuir os cofres dessa campanha? Como foi a receptividade das pessoas, dos comerciantes e dos estabelecimentos?
Num primeiro momento, assim que foram lançados os cofrinhos, e a campanha foi iniciada, eu levei os cofres para as comunidades e paróquias, e cada padre ficou responsável por distribuir dentro da sua área e paróquia com seus comerciantes. Na minha paróquia de Santa Tereza a receptividade foi maravilhosa. Primeiro que eu apresentei para o pessoal, eles viram os cofrinhos em minhas mãos e depois eu fui direcionando para cada comerciante, primeiro para aqueles que já estavam na celebração e depois para outros com quem tínhamos um pouco mais de contato. E foi incrível, todos eles aceitaram de bom coração. Como, na verdade, era só para o cofrinho ficar dentro do estabelecimento, não houve problema nenhum. Um fato que achei muito legal é que fui a alguns comércios e tem cofrinhos que já estão com moedinhas. Então, isso significa que o pessoal está ajudando e colaborando com o hospital dentro desse projeto que foi lançado, que está sendo maravilhoso.

Que mensagem podemos para passar para as pessoas, para os comerciantes e também para os consumidores – o público final dessa campanha?
A mensagem que a gente deixa é que nós pedimos a ajuda de cada um, para que olhem para o Hospital e Maternidade Santa Isabel e façam com que esse local se torne um oásis no meio de tanto sofrimento e dor que aqui acontece. Então, cada moedinha é uma ajuda de grande valor, e pedimos a colaboração de todos na medida do possível, de acordo com a situação de cada um e da forma que puderem ajudar. E fazemos um apelo aos comerciantes, à sociedade de Jaboticabal, que colaborem com o hospital. Tem uma frase do Papa Francisco que diz que o hospital é o local onde existe muita dor, mas também o local onde nós nos colocamos diante da nossa humanidade e percebemos o quão humano nós somos. E essa solidariedade faz com que a gente reconheça na dor e no outro a presença de Deus. Então, por isso da nossa colaboração e do nosso pedido para toda a sociedade para que olhe realmente para o hospital e façam sua contribuição.

Uma mensagem final.
Só tenho a agradecer a todos do Hospital e Maternidade Santa Isabel. À Renata Assirati, ao André, ao Dr. Jeyner, à Margareth. Eu faço de coração, porque eu gosto, fui muito bem acolhido aqui por todos, então para mim é prazeroso contribuir com o HMSI. É, também, uma forma de fazer com que a sociedade se sensibilize com a realidade das pessoas que sofrem. Independentemente de ser um hospital, um asilo, uma creche ou um orfanato, pois temos tantas realidades de sofrimento na nossa cidade. É importante que cada um de nós desperte esse amor para com o próximo. E amar o próximo significa que você está amando a si mesmo e amando de modo especial a Deus, que foi Ele quem nos fez e nos deu a oportunidade de estarmos nessa Terra.

Hospital e Maternidade Santa Isabel

Hospital e Maternidade Santa Isabel inaugura novo espaço para Maternidade construído com doação do Lions

De | Apoie, Notícias | 2 Comentários

Reforma cria entrada independente pela Avenida Quinze de Novembro, recepção exclusiva e novas instalações que oferecerão mais comodidade e privacidade para as gestantes

O Hospital e Maternidade Santa Isabel inaugurou na manhã do sábado, 12 de janeiro, nova ala de sua Maternidade, que será composta por uma recepção exclusiva e independente da entrada principal do HMSI, pela Avenida Quinze de Novembro.

São mais 250 metros quadrados de área. Além da nova recepção, o local também vai contar com uma sala de reuniões para as gestantes, consultórios médicos, banheiros e área de convivência. Em breve, a nova ala será mobiliada e poderá, então, entrar em funcionamento.

A obra foi realizada com a doação do Lions Club Internacional no valor de R$ 264.580,56, que cobriu a maior parte do valor total do empreendimento (75%). A doação do recurso foi uma conquista do ex-presidente do Lions Club Jaboticabal, Fabio Spechoto. O restante da verba (25%) foi arrecadado com eventos beneficentes realizados pelo próprio HMSI e pelo Lions Club de Jaboticabal.
“A finalização desta obra é de grande valor pela importância do Hospital e Maternidade Santa Isabel para nossa cidade. Existem muitas campanhas que são realizadas em prol de outras instituições de saúde, também de muito valor, mas é muito importante ajudar primeiro o nosso hospital. O Lions é uma entidade extremamente atuante, forte e poderosa e enxergamos nele um grande parceiro”, destacou o vice-prefeito Vitório de Simoni.

“Consultamos os responsáveis pelo hospital sobre as suas necessidades e sobre o Programa Melhor Parto. Então, levamos a ideia para o Lions Club Internacional, que apoiou essa obra, que propiciará maior atenção às gestantes de Jaboticabal e microrregião”, afirmou Fabio Spechoto, presidente do Lions Jaboticabal à época da contratação do projeto

“Agradeço a todos os membros do Lions, que não pouparam esforços para a realização dos eventos que arrecadaram os 25% restantes do valor da obra, que é nossa contrapartida para recebermos a doação do Lions Club Internacional. Como presidente do Lions Clube de Jaboticabal, estou muito lisonjeado por ter terminado essa obra iniciada em gestões anteriores e que representa muito para a população de Jaboticabal e para o Programa Melhor Parto. O Lions Clube é uma entidade forte, que ajuda a sociedade não só de Jaboticabal, mas de todo o Brasil e do mundo. Hoje nos sentimos gratificados por ter entregue essa obra ao Hospital Maternidade Santa Isabel, uma entidade de competência, uma entidade de caráter absoluto, de médicos e profissionais que dedicam o seu tempo para a sociedade de Jaboticabal”, afirmou o atual presidente do Lions Club LC 6, Valdir Edgard Homem.

“O Lions Club de Jaboticabal e o Hospital e Maternidade Santa Isabel, conseguiram ir além do horizonte e atenderam o que a comunidade local necessitava. Foi maravilhosa a união entre o Lions e o Hospital. O companheirismo é muito importante para o distrito e vai servir de exemplo para outras cidades fazerem a mesma coisa. Estamos ajudando os que mais precisam, valorizando pessoas como ser humano”, destacou Maria Aparecida Destito Pellizzon, governadora do Distrito LC6.

Projeto

Participaram da inauguração o vice-prefeito de Jaboticabal, Vitório de Simoni; o secretário de Planejamento, Paulo César Polachini (que estava presente como membro do Lions); o provedor do HMSI, Luiz Eduardo Romero Gerbasi; a administradora do Hospital, Margareth Pedrol de Freitas; além dos diretores da Unimed Jaboticabal Luiz Roberto Lins Ferraz, Marcos da Silveira e Oswaldo Costa Cesar Neto.

O Lions Clube esteve representado pela governadora do Distrito LC6, Maria Aparecida Destito Pellizzon, e por Sérgio Davi de Souza, governador à época em que o projeto foi encaminhado. Também participaram da cerimônia o presidente do Lions Club LC 6 de Jaboticabal, Valdir Edgard Homem, acompanhado da esposa, e o presidente do Lions Club LC6 à época do lançamento dda obra, Fabio Spechoto; além do assessor da Fundação Lions Internacional, Ronald Eduardo Tristão.

O projeto do Lions Club LC 6 de Jaboticabal concorreu com outros projetos de clubes de todo o mundo apresentados ao Lions Club Internacional. “O objetivo do Lions é realizar trabalhos desse porte, fazendo desde o diagnóstico até o acompanhamento do paciente, não apenas procedimentos pontuais. Estamos estruturados para aprovar projetos de grande porte. Nosso objetivo, então, é entregar obras que impactam a comunidade, de caráter duradouro”, destacou Ronald Eduardo Tristão.

“Foi uma conquista trabalhosa, com muitas peculiaridades que foram acompanhadas em detalhes pela Fundação Lions Clube Internacional, nos Estados Unidos. Um processo trabalhoso, mas gratificante, pois a obra vai trazer mais conforto, mais ânimo para as parturientes”, afirmou Sérgio Davi de Souza.

“O Hospital agradece o esforço e principalmente a confiança do Lions. Somos referência no projeto Parto Adequado, da ANS, com o Programa Melhor Parto, e este novo setor será utilizado para darmos acolhimento às gestantes”, salientou o provedor do HMSI, Luiz Eduardo Romero Gerbasi.

“Agradecemos o apoio e a confiança do Lions em fazer o esforço de conseguir os recursos para a obra. Também fazemos um agradecimento especial à Luciene Gerbasi, arquiteta que elaborou o projeto deste espaço”, destacou a administradora do Hospital, Margareth Pedrol de Freitas.